Jogos de pôquer

SEÇÕES

Polícia prende acusados de matar adolescente em apartamento na zona Sul

Quatro suspeitos foram presos, três deles são acusados de envolvimento no crime, o quarto é foragido do sistema prisional.

FACEBOOKWHATSAPPTWITTERTELEGRAMMESSENGER

A Polícia Militar realizou a prisão de quatro homens acusados de homicídio na região da zona Sul de Teresina. De acordo com o comandante do 17º Batalhão, Paulo César, três deles são apontados como autores do crime contra o adolescente identificado como João Augusto Costa, de 16 anos, que foi assassinado a tiros dentro do seu apartamento no condomínio Jorge Amado, no Torquato Neto, na noite do último dia 03 de abril.

“Desde o dia do homicídio as guarnições do 17º estão na captura desses elementos. No dia do fato as características que passaram para nós, o tipo de arma, a gente já tinha os suspeitos e nessa manhã obtivemos êxito na captura deles juntamente com a arma”, declarou. 

Comandante Paulo César efetuou as prisões dos criminosos - Foto: Reprodução

Os quatro criminosos foram presos com uma arma de grosso calibre .45. Entre eles, um homem identificado como Francisco é foragido do sistema prisional. “Ele é foragido do sistema prisional, fugiu da Major César e agora vamos devolvê-lo”, disse o comandante. 

“Todos os quatro são homicidas, eles também são suspeitos de um homicídio cometido por trás do Clube do River”, acrescentou. 

Arma de grosso calibre foi apreendida junto com os criminosos - Foto: Reprodução

Entre os presos está um jovem identificado como João Vitor, que negou a participação na execução de João Augusto Costa. “Eu não tenho nenhum envolvimento com nada”, disse ele acrescentando que é faccionado. “Sou da GDE, Guardiões do Estado”, disse. 

Todos os presos foram conduzidos até a Central de Flagrantes para os procedimentos cabíveis. 

João Vitor afirmou que é faccionado da facção Guardiões do Estado - Foto: Reprodução

Três suspeitos são presos pelo crime de homicídio na zona Sul - Foto: Reprodução

Francisco é foragido do sistema prisional pelo crime de homicídio - Foto: Reprodução



Participe de nosso grupo no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link


Tópicos
Jogos de pôquer Mapa do site

1234