Jogos de pôquer

SEÇÕES

Polícia cumpre 200 mandados de prisão durante megaoperação

Polícia cumpre 200 mandados de prisão durante megaoperação

FACEBOOKWHATSAPPTWITTERTELEGRAMMESSENGER

Na manhã desta terça-feira (14/11), a Secretaria de Segurança Pública, por meio da Polícia Civil do Piauí, iniciou às 04h, a Operação Polícia Civil 24h, dando início as atividades da Polícia Civil, visando a prevenção de crimes durante as festividades de fim de ano. 

Até o momento 26 pessoas foram presas na operação. O secretário estadual de Segurança Pública, Fábio Abreu, desse que a operação foi deflagrada para prender 200 homicidas e assaltantes que têm mandados expedidos pela Justiça.

“Nós organizamos essa operação, determinei que ela fosse feita para dar cumprimentos a mandados de prisão e busca  apreensão e esses cumprimentos são em todas as regionais do Estado do Piauí. Nós temos essa operação acontecendo em todos os municípios do Piauí, uma vez que cada regional tem sua responsabilidade e esses municípios que tem esses mandados expedidos nós estamos dando cumprimento em todo o dia de hoje”, declarou o secretário.

Fábio Abreu disse ainda que as ações aconteciam ás vezes na capital ou em algum municípios esporadicamente e individualmente, por conta disso foi observado que para fazer uma ação com uma efetividade bem maior e atingir o objetivo contra o tráfico de entorpecente e o uso da arma de fogo, foi necessário praticar a operação ao mesmo tempo. 

“Vamos realizar vídeoconferência com todos esses regionais para avaliarmos qual os pontos positivos e logicamente algum ponto negativo para que venhamos a corrigir e fazer bem maior. Nesse primeiro momento Teresina está na parte de ações ainda, parte de busca, apreensões e prisões, uma outra ação será ações de buscas, bloqueios, aí entra a participação das outras polícias. Amanhã estaremos passando um balanço da operação”, disse. 

Além dos mandados, as ações englobam, durante todo o dia, fiscalizações e bloqueios de acesso a transeuntes e motoristas em diversos pontos da cidade.

De acordo com o delegado geral da Polícia Civil, Riedel Batista, é uma grande operação que desencadeia as ações de final de ano.  “Hoje é só o começo, a operação iniciou ontem à noite em Uruçuí e hoje pela madrugada começou em Teresina e em todo o interior do Estado”, disse. 

Segundo o delegado Lucy Keiko, a operação está em andamento e já mostra um grande êxito para a polícia. “Nós temos a participação de quase todos os distritos de Teresina. Já encontramos um indivíduo com simulacro de arma de fogo que já tem várias entradas pela polícia, homicida em posse de pistola. Estamos chegando em dezembro, crimes contra o patrimônio tendem a aumentar e já estamos nos antecipando na questão do roubo, do homicídio”, declarou. 

A partir das 19h, policiais civis se concentram na Delegacia Geral de Polícia Civil para início dos trabalhos relacionados a vistorias em locais de vulnerabilidade, onde há presença de menores com bebidas alcóolicas, ocasião em que o Conselho Tutelar se fará presente, além de fiscalização com equipes da Delegacia de Direitos Humanos, Delegacia de Meio Ambiente e divulgação do aplicativo Salve Maria, no combate a violência doméstica.

A operação conta com o apoio das Polícias Militar e Rodoviária Federal e participação de 500 policiais civis de 12 Delegacias Regionais, 25 Distritos Policiais e 15 Especializadas.

Lista de presos identificados até o momento:

- A equipe comandanda pelo Delegado Daniel Pires realizou a  prisão de duas mulheres com uma quantidade de drogas. Elas foram identificadas como: Suzielle da Conceição Sousa Silva e Kelma Rochele Machado de Oliveira, após cumprimento de mandado de busca na casa das mesmas na rua Canindé Parque Alvorada. Com elas foi apreendido R$ 1.172,50, várias pedras de crack de tamanhos variados e um celular.

- A Equipe Alfa e Equipe B da Delegacia de Homicídios com o Delegado Danúbio e Robert realizaram a prisão de José Lima Chagas, mais conhecido como Gordete, preso no Bairro Santo Antônio, na Vila Paraíso, acusado de homicídio da jovem Carolina Espirito Santo Silva, ocorrido no dia 18 de julho deste ano, no bairro Promorar. Ele portava uma arma 380 com 71 munições, cordões de ouro, pulseiras e um celular.

- As equipes do 3º e 13º distritos, comandados pelo Delegado Francis realizaram a prisão de  Acrísio de Sousa Sá Neto, acusado de roubo qualificado.

- Equipes do 1º Distrito Policial comandadas pelo Delegado Anfrisio, cumpriram mandado de prisão de David Willame de Oliveira Silva, 24 anos e Antônio Marcos Gomes de Carvalho, 39 anos, acusados de roubo. David Willame foi preso em sua residência, no bairro Risoleta Neves e Antônio Marcos foi preso no bairro Aeroporto e mora no Infernim. Os dois são sentenciados.

- A equipe do 2º distrito policial comandando pelo Delegado Sebastião realizaram a prisão de Alissandro Gomes da Silva Sousa, mais conhecido como "Alemão", foi sentenciado por roubo.

- Equipe do 2º DP realizou a prisão de João Batista Santos Gomes, comandada pelo Delegado Sebastião. Mandado de prisão preventiva por homicídio ocorrido em 1996.

- A Delegacia de José de Freitas (17º DP) deu cumprimento a três mandados de prisão preventiva contra Paulo Eduardo Ribeiro da Silva, Jardel Lopes Vieira e Francisco das Chagas de Macedo Nascimento, indiciados pela prática de crime de roubo com causa de aumento.

Fotos da operação:



Participe de nosso grupo no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link


Tópicos
Jogos de pôquer Mapa do site

1234