Jogos de pôquer

SEÇÕES

Margarete Coelho é cotada para sair vice de Geraldo Alckmin

Margarete Coelho é cotada para sair vice de Geraldo Alckmin

FACEBOOKWHATSAPPTWITTERTELEGRAMMESSENGER

O Jogo do Poder desta quinta-feira (26) repercutiu a informação veiculada pelo "Jornal Estadão" de que a vice-governadora Margarete Coelho (Progressistas) está sendo cotada para sair como vice de Geraldo Alckmim (PSDB), pré-candidato à Presidência da República. Segundo a correspondente da Rede Jogos de pôquer em Brasília, Samantha Cavalca, o senador Ciro Nogueira, presidente da sigla, está aguardando conversar com o ex-governador de São Paulo para tratar da possibilidade.

Samantha Cavalca, adiantou em primeira mão que Vanessa Tapety (PTC) está sendo bastante cotada para ocupar a vaga de vice na chapa de Dr. Pessoa, pré-candidato ao Governo do Estado.

Vanessa, sobrinha do ex-deputado Mauro Tapety, é muito conhecida na região de Oeiras. Para Samantha, ela afirmou que as articulações estão em andamento. Afirmou ter ficado honrada por ter o nome lembrado e disse ter sido surpreendia com o convite.

Segundo Samantha, alguns nomes fortes estão trabalhando, sim, pela indicação de Vanessa como vice de Pessoa. Além do apoio de João Henrique Souza (MDB-PI), há também a colaboração de do Gomes e do prefeito de José de Freitas.

O presidente da Assembleia Legislativa, Themístocles Filho, em entrevista ao Jogo do Poder, evitou falar da relação com o governador Wellington Dias. O deputado  também não confirmou apoio ao governador.  “Sou candidato, assim como todos, pré-candidato a deputado estadual”,resumiu. 

Questionado sobre como recebeu a notícia de que não seria vice de W. Dias, o presidente da Alepi desconversou. “Eu estou tirando esse dia tranquilo aqui ao lado de colegas, para abraçar os meus amigos”, disse.

A delegada Cassandra Moraes, em entrevista ao Jogo do Poder,  admitiu candidatura como vice na chapa de Luciano Nunes ao Governo do Estado. Segundo ela, a previsão de confirmação de seu nome para ocupar a vaga de vice é “até sábado nas convenções”.

“Dentro da coligação do deputado Luciano Nunes nós ainda não temos essa questão de porcentagem ou não porcentagem. O Democratas, está aí com o deputado Robert Rios, colocou o nosso nome à disposição da coligação. Nós estamos com o nome à disposição da coligação e será uma escolha muito natural. O principal é o candidato a governador, que é o Luciano. É um nome jovem e nós acreditamos”, disse.

Luciano Nunes elogiou Cassandra e deixou claro que o peso maior na escolha ficará a cargo de Mão Santa. “A delegada Cassandra é um grande nome que tem se colocado, representa a figura da mulher, servidora pública, delegada de polícia. O prefeito Mão Santa será protagonista, irá decidir o fechamento da chapa juntamente com os nossos partidos coligados, o Democratas e o PSB”, comentou.  

O pré-candidato tucano também lamentou a desistência de Elmano Férrer, que em entrevista coletiva ontem, anunciou a retirada de sua pré-candidatura ao Governo.

“Olha…Eu vejo que o senador Elmano poderia contribuir muito com o debate. Eu sempre defendi que quanto mais candidatos melhor, a população pode aferir melhor, escolher melhor seus candidatos, pode discutir os problemas do Estado e também as soluções, as propostas. Então nós lamentamos a desistência de Elamano porque entendíamos que ele iria contribuir com o debate. Mas a oposição segue firme, forte e nós continuamos muito animados com esse sentimento de mudança”, disse.

“Não há nenhum encaminhamento em relação a composição com o Podemos-PI por enquanto, a não ser essa conversa com o senador Elmano. Nós desejamos compor com todas aquelas pessoas, todos aqueles partidos que se contrapõem ao modelo perverso imposto por esse governo e que deseja uma mudança, um Piauí novo, um Piauí de mudanças, de oportunidades para os piauienses”, afirmou.



Participe de nosso grupo no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link


Tópicos
Jogos de pôquer Mapa do site

1234