Jogos de pôquer

SEÇÕES

Crime organizado está tumultuando o sistema carcerário, diz Daniel

Crime organizado está tumultuando o sistema carcerário, diz Daniel

FACEBOOKWHATSAPPTWITTERTELEGRAMMESSENGER

Após receber o governador Wellington Dias e o secretário de Justiça Daniel Oliveira, o presidente Michel Temer autorizou a intervenção federal nos presídios do Piauí. A intervenção se deve após os acontecimentos na penitenciária de Esperantina e na Colônia Major César. Daniel Oliveira durante participação no quadro Jogo do Poder, disse que o crime organizado está tumultuando o sistema carcerário do Estado. 

Para o jornalista Ananias Ribeiro, está evidente de que o Sindicato quer derrubar o secretário de Justiça. Lembrando que existe uma sindicância que está sendo apurada nos presídios investigando os acontecimentos, pois grupos organizados do crime estão atuando no sistema prisional do Piauí. 

O pré-candidato a presidente Ciro Gomes esteve em Teresina onde participou de um encontro do PDT. Ele está viajando o Brasil fazendo palestras e ficou muito com a receptividade na capital piauiense. Ciro estava ao lado do presidente estadual do partido, deputado federal Flávio Nogueira, do governador Wellington Dias, do ex-governador Wilson Martins e do deputado estadual Robert Rios. Ciro confirmou que deseja e pretende ser candidato a presidente em 2018, mas disse que depende da decisão de seu partido.

O Instituto Vox Populi divulgou uma pesquisa sobre aprovação e desaprovação de Wellington à frente do Governo do Estado. Dias alcançou na pesquisa um índice de 70% de aprovação. Uma outra pesquisa tratou sobre as preferências do eleitorado nos municípios do Piauí. Wellington lidera também a corrida eleitoral no interior. 

Para Ananias Ribeiro, a eleição se mostra favorável a Dias. O fato de Lula ainda está sendo pré-candidato do PT para presidente, tem ajudado o governador em seu desempenho nas pesquisas. O jornalista Arimatea Carvalho enfatizou que o fator pagamento da folha em dia, conta muito a favor do governador.

Estava previsto para esta terça-feira, uma votação na CCJ - Comissão de Constituição e Justiça da Alepi que tratava sobre o refinanciamento de débitos de contribuintes e reajustes no ICMS, energia, combustíveis e uso de recursos de operação de crédito. A oposição ganhou um aliado, que foi a classe industrial liderada por Moraes Sousa Filho e o presidente do Sindicato da Construção Civil, André Bahia. Amanhã acontecerá uma reunião na sede da FIEPI entre as duas entidades e o secretário de Fazenda, Rafael Fonteles, que vai tentar justificar por que o governo quer esses reajustes.



Participe de nosso grupo no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link


Tópicos
Jogos de pôquer Mapa do site

1234