Jogos de pôquer

SEÇÕES

Gleisi diz que Michelle usa 'fé para enganar pessoas', e ex-primeira-dama rebate

“[Michelle] passeou no exterior com o maquiador, tá envolvida no contrabando de joias, fora os rolos com Queiroz”, argumentou a presidente do PT

Gleisi Hoffmann e Michelle Bolsonaro | Reprodução/Brasil 247
FACEBOOKWHATSAPPTWITTERTELEGRAMMESSENGER

Aex-primeira-dama Michelle Bolsonaro (PL) desencadeou uma troca de farpas com a presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann, após uma declaração feita durante um evento do PL Mulher no Rio de Janeiro. Na ocasião, Michelle conspirou contra o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o ministro dos Direitos Humanos, Silvio Almeida, sugerindo que este último trabalha apenas para seus "amigues" em uma alusão à linguagem neutra.

Em seu discurso, Michelle afirmou: "O ministro que se diz ser do ministério Humano, que para mim é desumano, porque é um ministério, é um ministro do 'todes', só tem trabalho pros amigues e os 'bandides'. Mas como eu não sou favorável a linguagem neutra, que eles acham que incluem, mas não inclui. O governo que não trabalha para as pessoas de bem. É um governo que não trabalha para todos".

As críticas de Michelle não foram bem recebidas por Gleisi Hoffmann, que, em um post no Twitter no último domingo (26), rebateu os comentários da ex-primeira-dama. Gleisi questionou a autoridade de Michelle para criticar o governo, mencionando seu uso da fé para enganar as pessoas e alegações de envolvimento em atividades questionáveis, como contrabando de joias e conexões com Queiroz.

Na noite seguinte, Michelle respondeu a Gleisi nas redes sociais, usando ironias e se referindo a ela como "amante". A ex-primeira-dama sugeriu motivações como inveja do sucesso do PL Mulher e resultados de pesquisas no Paraná para os ataques recebidos. Além disso, Michelle insinuou que Gleisi tenta desviar a atenção da agenda internacional de Lula, mencionando a situação de Janja como "viaJANJAnte" e o caso da dama do tráfico no Ministério da Justiça, assim como o projeto para que o BNDES volte a financiar obras no exterior.

Em sua resposta, Michelle destacou a prática da extrema-esquerda de assassinar reputações com mentiras, ironizando que não são "AMANTES" dessa estratégia. A troca de farpas entre as duas personalidades políticas continua a chamar a atenção nas redes sociais e nos círculos políticos.

Para mais informações, acesse fcvizela.com

Leia Mais


Participe de nosso grupo no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link


Tópicos
Jogos de pôquer Mapa do site