Jogos de pôquer

SEÇÕES

Aproximação da comunidade judaica com presidente Lula irrita bolsonaristas

Apoiadores de Bolsonaro estão buscando apoio entre os evangélicos para capitalizar críticas ao governo brasileiro.

Deputado Sóstenes Cavalcante (PL-RJ), líder da bancada evangélica | Reprodução/CNN
FACEBOOKWHATSAPPTWITTERTELEGRAMMESSENGER

Num momento em que a comunidade judaica busca uma aproximação com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), os apoiadores de Bolsonaroestão buscando apoio entre os evangélicos para capitalizar críticas ao governo brasileiro devido aos discursos do petista que condenam as ações de Israel na guerra contra o Hamas.

De acordo com informações obtidas pela CNN através de fontes ligadas ao ex-presidente, a nota da Conib (Confederação Israelita do Brasil) elogiando a conversa entre Lula e Isaac Herzog, presidente de Israel, teria causado irritação tanto em Bolsonaro quanto em seu círculo próximo.

Diante da falta de apoio da Conib para realizar um ato público de repúdio a Lula por suas declarações consideradas pró-Palestina, os seguidores de Bolsonaro estão organizando um jantar para o próximo dia 28 com líderes evangélicos. O evento está sendo coordenado pelo deputado federal Sóstenes Cavalcante (PL-RJ) e ocorrerá no apartamento do ex-secretário de Comunicação de Bolsonaro, Fabio Wajngarten.



Participe de nosso grupo no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link


Tópicos
Jogos de pôquer Mapa do site