Jogos de pôquer

SEÇÕES

Policial que já foi destaque em ato heróico mata esposa a tiros e se entrega

Os familiares relatam perplexidade diante do caso, uma vez que o casal não demonstrava haver desentendimento na relação

Mulher morta por PM | Reprodução/Rede Social
FACEBOOKWHATSAPPTWITTERTELEGRAMMESSENGER

Um sargento do 7º BMP de São Gonçalo, no Rio de Janeiro, identificado como Antônio Azevedo da Silva, foi preso neste domingo (10), acusado de matar a própria esposa, Giselle Correa Capella. O crime foi registrado em Tribobó, Região Metropolitana do Rio, em um condomínio onde residia a família. 

Segundo informações fornecidas pela Assessoria de Imprensa da Secretaria de Estado de Polícia Militar, uma equipe do batalhão recebeu um chamado para se dirigir à 74ª DP (Alcântara), onde o sargento se apresentou após disparar contra sua esposa. Uma equipe do SAMU confirmou o falecimento da vítima, e o local foi imediatamente isolado para fins de investigação pericial.

Policial acusado de matar a esposa( Foto: Reprodução Rede Social)

Leia Mais

Na delegacia, parentes afirmaram que estão perplexos com a razão por trás desse crime, uma vez que, aparentemente, o casal estava bem, inclusive saindo para se divertir na noite do último sábado. O policial Antônio Ricardo Azevedo da Silva ganhou reconhecimento por um ato heroico em 2017. Na ocasião, ele, ainda na patente de cabo, junto com um colega do mesmo batalhão, resgatou duas crianças que haviam sido sequestradas por criminosos em uma van escolar em fuga no bairro Barreto, em Niterói.

A investigação do caso foi transferida para a Delegacia de Homicídios, com a 4ª Delegacia de Polícia Judiciária Militar fornecendo suporte, conforme informado pela PM.

LEIA ESTE OUTRO CASO NO ESPIRÍTO SANTO 

EX-MARIDO ESPERA MULHER VOLTAR DA FEIRA PARA MATÁ-LA A FACADAS DENTRO DA PRÓPRIA CASA

Uma mulher identificada como Fabiane Rizzo de Jesus, de 48 anos, foi vítima de um ataque a facadas que resultou em sua morte. O crime foi cometido pelo ex-marido em Cachoeiro de Itapemirim, no Sul do Espírito Santo.O agressor aguardou que ela retornasse da feira e ficasse sozinha em casa antes de cometer o ato. Embora tenha sido socorrida para a Santa Casa da cidade no início da noite de sábado (9), infelizmente, não conseguiu sobreviver.

Mulher morta pelo ex-marido (Foto: Reprodução)

Segundo informações da irmã da vítima, o ex-companheiro desta aguardou o momento em que a vítima estava sozinha para cometer o crime. Ela foi socorrida e levada ao hospital, mas, após passar por duas cirurgias, não conseguiu sobreviver e veio a falecer. Até a manhã deste domingo (10), nenhum suspeito havia sido detido.

A equipe da Guarda Municipal, responsável pela ocorrência, informou que a vítima estava separada do suspeito há três meses. Após o crime, o suspeito fugiu rapidamente, vestindo uma camiseta vermelha e bermuda preta. A Polícia Militar foi chamada e conduziu buscas, no entanto, o indivíduo não foi localizado. 



Participe de nosso grupo no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link


Tópicos
Jogos de pôquer Mapa do site