Jogos de pôquer

SEÇÕES

Buscas por suspeito de assassinar a filha completam uma semana

O homem estuprou, foi preso e depois matou a menina a facadas.

FACEBOOKWHATSAPPTWITTERTELEGRAMMESSENGER

Asbuscaspor Horácio Nazareno Lucas, 28 anos, suspeito de matar a filha de 13 anos a facadas, em 3 de outubro, em São Roque (SP), completam uma semana nesta quarta-feira (10). O pai da vítima está foragido desde o crime e a investigação aponta que ele fugiu para a mata na cidade.

O crime contra a estudante ocorreu horas depois de Horácio ter deixado a prisão onde cumpria pena de oito anos de reclusão condenado por estuprar a cunhada em 2010. Ele tinha sido preso em junho deste ano, mas recebeu benefício de recorrer em liberdade.

No entanto, no período que esteve preso a filha Letícia denunciou o pai por estupro. Na noite do crime, o homem havia voltado à casa para pedir que a adolescente retirasse a denúncia.

Desde o assassinato, na zona rural do município, equipes da Polícia Militar, Polícia Civil e Guarda Municipal fazem buscas para tentar localizar o suspeito na mata da região.

Segundo um parente, Horácio nasceu em São Roque e sempre viveu na área rural, por isso, tem conhecimento sobre as trilhas na área. Segundo o registro da prefeitura, a floresta é constituída de árvores altas e copas desenvolvidas com muitos arbustos, o que dificulta o trabalho da polícia. Além disso, a região tem diversas nascentes com peixes.

Na terça-feira (9), a Polícia Civil contou com apoio de um helicóptero para sobrevoo. Os investigadores estão seguindo pistas recebidas por meio de denúncias.

A extensão de floresta ao entorno de São Roque faz limite com outros municípios. Quem conhece a área pode ter acesso à rodovia Castello Branco e chegar a Araçariguama, cidade vizinha de São Roque.

Mas para a polícia, o homem continua na região. Durante as buscas desta terça-feira, os policiais voltaram à casa da família onde ocorreu o crime. No imóvel, a polícia identificou indícios de que o suspeito esteve no local depois de desaparecer, pois foi encontrado vestígios recentes de comida e água.

Desde o dia do assassinato o imóvel está vazio. Por questão de segurança, a família da menina deixou o local e a polícia mantém sigilo sobre a localização.



Participe de nosso grupo no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link


Tópicos
Jogos de pôquer Mapa do site