Jogos de pôquer

SEÇÕES

Renault Kwid é o carro mais barato do Brasil; veja as regras do governo!

As montadoras estão divulgando as tabelas de preços dos carros com descontos e lançando campanhas de marketing

Renault já anunciou o Kwid por R$ 58.990 | Divulgação
FACEBOOKWHATSAPPTWITTERTELEGRAMMESSENGER

As montadoras estão divulgando as tabelas de preços dos carros com descontos e lançando campanhas de marketing. A Renault já anunciou o Kwid por R$ 58.990, o que representa uma redução de R$ 10 mil em relação ao valor sugerido anteriormente, antes das medidas implementadas nesta segunda-feira (5).

AVolkswagen também removeu os preços de seus veículos de sua página na internet. Em comunicado, a montadora informou que todas as concessionárias estão preparadas para aplicar os preços já reduzidos. Além disso, a Volkswagen ampliará sua oferta ao fornecer bônus de até R$ 5 mil ou opção de taxa zero para seus clientes.

Inicialmente, o Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (MDIC) anunciou que a redução nos preços finais dos automóveis variaria entre 1,5% e 10,96%. No entanto, após diálogos com o Ministério da Fazenda, o programa passou por uma reformulação, substituindo a desoneração direta de tributos por um novo modelo.

Leia Mais

Para o consumidor, isso resultará em descontos que variam entre R$ 2.000 e R$ 8.000 no valor de aquisição dos veículos. No entanto, as montadoras devem aplicar suas próprias tabelas, levando em consideração os descontos já praticados no mercado atualmente.

MP publicada no Diário Oficial da União 

 A Medida Provisória que estabelece o programa de desconto em carros, ônibus e caminhões foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) nesta terça-feira (6). O programa, que visa reduzir os preços, terá uma validade de quatro meses e entra em vigor a partir de hoje. 

Os descontos aplicados em automóveis e veículos comerciais leves podem variar de R$ 2 mil a R$ 8 mil. No caso dos veículos de transporte, o desconto dependerá do tipo de carga e da quantidade de pessoas transportadas. Para calcular o valor do desconto que o comprador poderá obter, é necessário somar uma quantidade mínima de pontos, que serão utilizados como critério para determinar o abatimento no preço. 

Para determinar o desconto específico de cada veículo, é necessário somar os pontos atribuídos a ele em cada um dos critérios estabelecidos pelo governo. Por exemplo, para que um carro obtenha o desconto máximo de R$ 8 mil, é necessário alcançar, no mínimo, 90 pontos.

O vice-presidente Geraldo Alckmin (PSB), que também é ministro do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços, afirmou que os descontos para os carros seguirão os critérios social, ambiental e industrial. 

"O desconto mínimo... Carros até R$ 120 mil, o desconto mínimo: R$ 2 mil; o máximo R$ 8 mil. Ou seja, o menor desconto, 1,6%; o maior, 11,6%. A rigor o governo também vai dar o crédito tributário, R$ 2 (mil) até R$ 8 mil reais. Quem ganha os R$ 8 mil? Primeiro: o carro de acesso, o critério social, aquele carro de R$ 68 (mil), R$ 69 mil reais, carro de acesso, mais barato; segundo, ambiental, o carro que polui menos, emite menos particulados e carbono; e densidade industrial. Eu tenho a uma fábrica que o conteúdo nacional é 50%, ele monta. A outra fábrica é 95%, então densidade industrial. São esses três critérios". afirmou.

Com informações: Folhapress



Participe de nosso grupo no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link


Tópicos
Jogos de pôquer Mapa do site