Jogos de pôquer

SEÇÕES

Memória

Coluna sobre fatos históricos, acontecimentos e pessoas que marcaram a história da humanidade

Explosão em plataforma e descarrilamento de trem deixam 214 mortos

Data marca dois momentos catastróficos para trabalhadores da indústria do petróleo, em decorrência de dois grandes e mortais acidentes

FACEBOOKWHATSAPPTWITTERTELEGRAMMESSENGER

Esta data de 6 de Julho reserva dois momentos catastróficos para trabalhadores da indústria do petróleo, em decorrência de dois grandes e mortais acidentes registrados nesse dia. 

O primeiro deles, e também o de consequência mais funesta, aconteceu em 6 de Julho de 1988, a Piper Alpha que era uma plataforma petrolífera no Mar do Norte, sofreu um incêndio, acompanhado de grandes explosões no armazenamento de petróleo e gás, resultado na morte de 167 pessoas e ferimentos graves em centenas de outros operários.

Explosão deixou mais de 167 mortos 

Tudo teve início quando um vazamento de gás acarretou uma série de eventos incontroláveis, levando abaixo uma das maiores plataformas em operação do mundo. Piper Alpha era uma plataforma que perfurava 24 poços de óleo e dois poços de gás natural, onde era interligando com mais 2 plataformas e um centro de tratamento de gás natural.

A tragédia se deu a nessa plataforma que era operada pela Occidental Petroleum, quecomeçou a produção em 1976, inicialmente como uma plataforma somente de petróleo, mas depois convertida para adicionar produção de gás. Entre os mortos, dois eram tripulantes de um navio de resgate, que trabalhavam para salvar as pessoas. Apesar da gravidade, 61 trabalhadores conseguiram escapar e sobreviveram.

Trinta corpos nunca foram resgatados. Esse considerado o maior desastre, pelo número de mortos, da indústria petrolífera mundial.

O total de perdas seguradas foi de cerca de 1,7 bilhão de libras, tornando-se uma das mais caras catástrofes causadas pelo homem de todos os tempos. Na época do desastre, a plataforma respondia por aproximadamente dez por cento da produção de petróleo e gás do Mar do Norte, e o acidente é o pior desastre petrolífero marítimo em termos de vidas perdidas e impacto na indústria.

Trem que transportava petróleo descarrilha sobre cidade canadense e 47 pessoas morrem

A outra grande tragédia aconteceu também nessa data, em 06 de 2013, quando um trem/comboio de carga desgovernado (vindo de Nantes, distante 11 quilômetros de Lac-Mégantic) com 73 carruagens transportando petróleo e derivados descarrilou-se, tendo como resultado a explosão que originou fogo de vários tanques no centro da cidade de Lac-Mégantic. 

Foram confirmados 47 mortos e ainda 5 desaparecidos, possivelmente também mortos. Mais de 30 edifícios do centro da cidade ficaram destruídos devido ao desastre no centro da cidade, entre os quais a biblioteca municipal e as instalações do jornal semanal local " L'Écho de Frontenac". Este foi o mais mortífero acidente ferroviário no Canadá desde 1864.

O comboio de carga/trem de carga era operado pela empresa norte-americana Montreal, Maine and Atlantic Railway (MMA) pertencente à Rail World, que se dirigiu acidentalmente a caminho de Lac-Mégantic. O comboio de carga era constituída por cinco locomotivas a diesel que transportavam 72 vagões cisterna do modelo DOT-111, cada um com 113.000 litros de petróleo.

Acidente com trem deixou 47 mortos



Participe de nosso grupo no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link


Tópicos
Jogos de pôquer Mapa do site

1234