Jogos de pôquer

SEÇÕES

Cinthia Lages

Notícias Direto de Brasília

Lula prioriza segurança dos brasileiros em Gaza e oferece ajuda a vizinhos

O governo brasileiro foi acionado por Chile e Paraguai para auxiliar na repatriação de sua população em Israel

FACEBOOKWHATSAPPTWITTERTELEGRAMMESSENGER

Por Fabrício de Freitas

Um grupo de 32 pessoas, composto por 22 brasileiros e sete palestinos com Registro Nacional de Imigração (RNM), permanece aguardando autorização do governo egípcio para cruzar a fronteira e embarcar rumo ao aeroporto do Cairo. O deslocamento até o Brasil será realizado no avião VC-2 da Presidência da República, com capacidade para 40 passageiros. O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o ministro das Relações Exteriores, Mauro Vieira, têm conduzido negociações para viabilizar a abertura da fronteira e o resgate do grupo.

Leia Mais

As 32 pessoas aguardando resgate estão distribuídas nas cidades de Rafah e Khan Yunis, em Gaza. Dezesseis delas, incluindo quatro homens, quatro mulheres e oito crianças, foram temporariamente realocadas para Rafah e abrigadas em uma residência alugada pelo Itamaraty. O restante, composto por dois homens, cinco mulheres e nove crianças, permanece em suas casas aguardando liberação em Khan Yunis, cidade próxima a Rafah.

O grupo enfrentou as adversidades da ofensiva de Israel, inicialmente buscando refúgio na Rosary Sisters School, na periferia da Cidade de Gaza. O governo brasileiro, através do Itamaraty, tem providenciado suporte psicológico, transporte, abrigo e alimentação para as 17 crianças, nove mulheres e seis homens que aguardam resgate.

Repatriação de brasileiros | Foto: Ueslei MarcelinoO avião VC-2 da Presidência da República, um Embraer 190, já se encontra em Roma, na Itália, aguardando autorização diplomática para prosseguir à fronteira de Gaza. O retorno dos brasileiros marcará o encerramento da primeira fase da operação "Voltando em Paz", desencadeada pelo governo federal em resposta à escalada da violência na região.

Até o momento, quatro voos já reportaram um total de 916 brasileiros que estavam em território israelense. O quinto voo, chegando ao Rio de Janeiro no domingo (15), transportou mais 215 repatriados. A operação tem sido coordenada para garantir a segurança e o retorno dos brasileiros em meio à complexa situação na região.

Enfatizando o compromisso com a repatriação de seus cidadãos, o governo brasileiro, em entrevista transmitida ao vivo pelo Banca do Sapateiro, ressaltou que, neste momento, a prioridade é garantir a segurança dos brasileiros em Gaza. O Brasil afirmou que, após a conclusão da repatriação, considerará ajudar outros países, conforme solicitado por Chile e Paraguai.

Para mais informações, acesse fcvizela.com



Participe de nosso grupo no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link


Tópicos
Jogos de pôquer Mapa do site

1234