Jogos de pôquer

SEÇÕES

Evite! 10 alimentos que são uma bomba para quem tem pressão alta

A hipertensão é um problema de saúde caracterizado pelo nível elevado da pressão sanguínea nas artérias

Alguns alimentos podem complicar a vida de quem tem hipertensão | Reprodução/Internet
FACEBOOKWHATSAPPTWITTERTELEGRAMMESSENGER

A hipertensão, ou pressão alta, é um problema de saúde caracterizado pelo nível elevado da pressão sanguínea nas artérias. Essa condição atinge muitas pessoas em todo o mundo e requer atenção, pois é fator de risco para problemas graves de saúde, como as doenças cardiovasculares (acidente vascular cerebral – AVC e doença arterial coronariana) e insuficiência renal. A alimentação pode ser uma aliada no combate à hipertensão ou uma vilã. Para isso, é preciso saber quais alimentos evitar.

"Vários estudos já comprovam a influência de uma boa alimentação para o tratamento da hipertensão. Tanto para o tratamento quanto para a prevenção da doença, o paciente deve evitar alimentos gordurosos, excesso de carboidratos com alto índice glicêmico, alimentos industrializados que contêm alto teor de sódio e o próprio sal de cozinha", alerta a nutricionista pós-graduada em Nutrição Clínica, Reila Satel. 

Dentre os alimentos que devem ser evitados por quem tem pressão alta estão os embutidos, como bacon, salsichas, linguiças, dentre outros alimentos processados. Estes itens costumam ser prejudiciais até mesmo para quem é saudável e precisam ser tirados da alimentação de quem sofre com hipertensão. Eles são ricos em sódio e aditivos químicos que podem contribuir para aumentar a pressão arterial.

Petiscos e enlatados

Alguns petiscos também são verdadeiros vilões de quem tenta controlar a pressão arterial. É o caso da batata frita e salgadinhos de pacote, além de outros petiscos industrializados. Estes alimentos costumam ser ricos em gorduras saturadas, em sódio e aditivos que podem prejudicar quem tem pressão alta.

Os alimentos enlatados também devem ser evitados se você sofre de hipertensão. As sopas prontas, vegetais em conserva, feijão enlatado, dentre outros, geralmente possuem níveis altos de sódio para manter a conservação destes alimentos. Isso pode contribuir para elevar a pressão arterial. Segundo a nutricionista Elaine Pavosqui, o mais indicado é substituir estes itens por alimentos saudáveis. "Introduzir alimentos mais naturais, sempre evitando exageros. Consuma quantidades recomendadas pelos nutricionistas", sugere a profissional.

Sal de cozinha

Todos sabem que o sal de cozinha, por ser rico em sódio, é um verdadeiro vilão de quem sofre de hipertensão. Por isso, a quantidade diária recomendada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) é até 5g. Dito isto, é importante ressaltar que não se deve tirá-lo totalmente da sua alimentação. "O excesso de sal é prejudicial, porém, temos que lembrar que o nosso organismo necessita de uma quantidade mínima de sal na dieta", afirma o cardiologista Francisco Maia. 

Outros alimentos que precisam ser evitados são molhos prontos como os de soja, molho inglês e molhos para salada; temperos industrializados, como caldos concentrados e condimentos industrializados; alimentos congelados prontos para consumo, como lasanhas, pizzas e hambúrgueres; queijos salgados e gordurosos; bebidas adoçadas, como refrigerantes, sucos e doces industrializados.



Participe de nosso grupo no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link


Tópicos
Jogos de pôquer Mapa do site